JP Scene - шаблон joomla Оригами

DIA DA PREMATURIDADE - UTI Neonatal ajuda a salvar vidas de bebês prematuros
Unidade é a única que possui estrutura e equipe preparados para atender os recém-nascidos que precisam de atenção especial
COMODIDADE - Maternidade conta com camas para obesos e poltronas novas
A unidade tem recebido mobílias e equipamentos novos para garantir mais qualidade e comodidade nos serviços prestados a mães e bebês
SEMANA DA PREMATURIDADE - Homenagens e trocas de experiências marcam início da programação
Atividades seguem nesta sexta-feira (17), Dia Mundial da Prematuridade, com uma roda de conversas sobre o tema, em alusão ao Novembro Roxo
SEGUNDA-FEIRA - Coronel Mota abre para exames de raio-x no feriado
Consultas e outros exames para esta data serão reagendadas e avisadas aos pacientes por telefone
DIA DO DIABETES - População recebe atendimentos no Parque Anauá
Segundo o Ministério da Saúde, cerca de 7% da população brasileira tem diabetes, mas desconhece
NOVEMBRO AZUL - Ação no Parque Anauá marca luta contra a diabetes
Alerta a população, sobre os cuidados com a doença, também é parte das ações do Novembro Azul e Dia Mundial da Diabetes

 

  • Home
  • Notícias
  • UNIDADE DE ACOLHIMENTO - Roraima ganha primeira unidade para tratamento prolongado de dependentes químicos


A unidade de acolhimento é mais uma ferramenta disponível no Estado para o tratamento de usuários de drogas

 

     A Unidade de Acolhimento Maria da Consolação Inácio de Matos, voltada para o tratamento prolongado de dependentes de crack, álcool e outras drogas, está em pleno funcionamento, e já recebeu cinco pacientes em pouco mais de um mês. A unidade faz parte da Raps (Rede de Atenção Psicossocial) e é um instrumento importante no combate à dependência química.

     A instituição tem capacidade para atender 15 pacientes de ambos os sexos. No momento, estão sendo atendidos três homens e duas mulheres. A unidade funciona 24 horas, todos os dias da semana, e conta com 24 profissionais, entre psicólogo, assistente social, pedagogo, enfermeiro, técnico em enfermagem, assistente administrativo e educador físico.

     O diretor do departamento de Política de Saúde Mental, Renato Amaral, enfatizou que a instituição é de suma importância. “A unidade de acolhimento é mais uma ferramenta disponível no Estado no tratamento de pessoas com dependência química”, disse.

     Durante o período de tratamento de até seis meses – que pode ser prorrogado de acordo com cada caso – o paciente terá acesso a um trabalho com foco no cuidado social e psicológico, em parceria com o Caps AD 24h (Centro de Atenção Psicossocial Álcool e outras Drogas). “Nós enxergamos de forma muito positiva o fato de devolvermos a liberdade a esses pacientes”, avaliou o diretor. 

     ATENDIMENTO - A pessoa com dependência química que necessitar de ajuda deve procurar o Caps AD 24 horas, localizado na Rua Sócrates Peixoto, 138, Jardim Floresta. Lá o paciente é recebido e fica em tratamento por até 14 dias, e, se não apresentar melhora, será encaminhado para a Unidade de Acolhimento para dar continuidade ao tratamento por um período mais prolongado.

     No entanto, se durante os primeiros 14 dias de intervenção ele conseguir se estabilizar, passará para o acolhimento diurno, onde continuará sendo acompanhado pela equipe médica e psicossocial e participará também das oficinas terapêuticas no Caps AD.

     A unidade auxilia no tratamento e recuperação de dependentes químicos, com a oferta do acompanhamento clínico e psicológico, através de serviços terapêuticos como oficinas de artesanatos, de culinária, palestras motivacionais e educativas. Para receber atendimento, não é necessário que haja encaminhamento por outra unidade.

     A Sesau disponibiliza ainda o serviço especializado para situações de crise, com a oferta de 11 leitos no HGR (Hospital Geral de Roraima), para os casos de urgência e emergência, como o caso de pacientes em situação de crise.

 

SECOM / SESAU 
DATA: 04.07.2016

  • :: Espaço Mídias
  • :: Rede de Atendimento
  • :: Servidor Público